WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

dezembro 2019
D S T Q Q S S
« nov    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

:: ‘Policia Federal’

Bahia lidera ranking de prisões feitas pelo sistema de reconhecimento facial

| VARELA

Base do cálculo é feita a partir das matérias publicadas pelos veículos de imprensa.

Reprodução

O estado da Bahia lidera o ranking em número de abordagens e prisões feitas com o auxílio da tecnologia de reconhecimento facial. O levantamento foi feito pelo The Intercept Brasil.
Segundo informações do balanço feito pela Rede de Observatórios da Segurança, a Bahia registrou cerca de 51,7% prisões feitas após a utilização da ferramenta no setor de segurança pública. 90,5 % das pessoas presas são negras. A base do cálculo é feita a partir das matérias publicadas pelos veículos de imprensa, além das informações em contas oficias das polícias e outras redes sociais.
Atrás da Bahia, o Rio de Janeiro segue em segundo lugar com 37,1%. Seguidos de Santa Catarina com 7,3%, Paraíba 3,3% e Ceará 0,7%.
O maior número de prisões é ligado a tráfico de drogas e roubos, apresentando cerca de 24,1%. Em 66 casos identificados pelo The Intercept, relacionados ao sexo dos suspeitos, 87,9% eram homens e 12,1% mulheres, com idade média de 35 anos.
No início de novembro, foram divulgadas 80 prisões pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) com o sistema de reconhecimento facial. Os dados apresentados são do ano passado. A expectativa é de que o método seja implantado em 77 cidades no estado.

Nova fase da Operação Lava Jato cumpre mandados na Bahia

Os alvos de prisão são os dois ex-executivos da Odebrecht Maurício Ferro e Newton de Souza.

Reprodução

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quarta-feira (21), a 63ª fase da Lava Jato, na Bahia e em São Paulo. São cumpridos dois mandados de prisão temporária e 11 mandados de busca e apreensão.

Segundo o G1, os alvos de prisão são os dois ex-executivos da Odebrecht Maurício Ferro e Newton de Souza.

De acordo a PF, esta fase investiga a suspeita de pagamentos periódicos por parte da Odebrecht a dois ex-ministros identificados na planilha da empreiteira como “Italiano” e “Pós-Itália”.

Em depoimento, Marcelo Odebrecht afirmou que “Italiano” se referia ao ex-ministro Antônio Palocci e “Pós-Itália” era Guido Mantega.

O pagamento da propina tinha como objetivo, entre outras coisas, a aprovação de medidas provisórias que instituiriam o programa chamado de Refis da Crise.

De acordo com a PF, as investigações apontam que a propina teria sido entregue a um casal de publicitários para dissimular a origem do dinheiro.

Os mandados apuram crimes de corrupção ativa e passiva e lavagem de dinheiro.

Segundo a Polícia Federal, foi determinado o bloqueio de R$ 555 milhões dos investigados. / G1

Quadrilha finge ser da PF para roubar R$ 123 milhões em ouro do aeroporto de Cumbica

Segundo testemunhas, o assalto foi comandado por cinco homens encapuzados e armados com pistolas e fuzis.

Reprodução

Uma quadrilha invadiu o terminal de cargas do Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo, na tarde desta quinta-feira e roubou uma carga de 720 kg de ouro. Armados com fuzis e encapuzados, os ladrões usaram viaturas clonadas da Polícia Federal (PF). Na cotação do dia, a carga está estimada em R$ 123 milhões.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), na noite de quarta-feira a quadrilha fez como refém a família de um supervisor de logísitica do aeroporto, o que lhe deu acesso a informações privilegiadas sobre onde a carga estaria.

O ouro estava dentro de um carro-forte e seria transportado para Suíça e Canadá, de acordo com informações iniciais da polícia. A quadrilha chegou ao aeroporto usando dois carros com logotipo da PF: um Triton e um Pajero Dakar.

Segundo testemunhas, o assalto foi comandado por cinco homens encapuzados e armados com pistolas e fuzis. O grupo rendeu o chefe da segurança, colocou a carga no carro e levou um homem como refém. Segundo a PRF, a família do supervisor e o refém foram liberados.

Os dois veículos depois foram encontrados abandonados em ruas do Jardim Pantanal, na Zona Leste de São Paulo, a cerca de 20 quilômetros do aeroporto. / Extra.

PF combate fraudes contra o INSS na Bahia e no Espírito Santo

Os criminosos agiam nos estados da Bahia e do Espírito Santo.

Reprodução

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta quarta-feira, 5, uma operação para investigar uma organização criminosa especializada em fraudar benefícios do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS). Os criminosos agiam nos estados da Bahia e do Espírito Santo.
Segundo a PF, as fraudes eram praticadas com a utilização de documentos falsos para criação de pessoas fictícias para saque de Benefícios de Prestação Continuada de Amparo ao Idoso.
Os policiais federais cumprem desde as primeiras horas da manhã desta quinta cinco mandados de busca e apreensão em endereços nos dois estados, sendo três expedidos pela Justiça Federal de Itabuna, na Bahia e dois expedidos pela Justiça Federal de Vitória.

Agência Brasil

Com ajuda de cão ‘Rondespiano’, polícia apreende 160 kg de maconha no município de Santo Estevão

Foto: Divulgação/SSP

Uma operação integrada da Secretaria da Segurança Pública (SSP), através das Rondas Especiais (Rondesp) Leste e da 57a Companhia Independente da PM (CIPM/Santo Estevão), com a Polícia Federal apreendeu, na terça-feira (2), uma carga de 160 kg de maconha. O cão farejador Rondespiano Leste ajudou flagrante.

Os policiais chegaram até as drogas depois de uma denúncia anônima. O material estava em uma casa, na Avenida Cardeal da Silva, Centro de Santo Estevão.

Em cômodos da casa o cão farejador encontrou 160 kg de maconha prensada. Além dos entorpecentes, as equipes apreenderam ainda munições, balança e um veículo modelo SW4, placa PKQ-1939.

Uma mulher que chegou na casa e todo o material foram apresentados na sede da PF, em Feira de Santana. “Mais uma demonstração de trabalho conjunto e irmanado com o objetivo de combater o tráfico”, declarou o comandante do Policiamento na Região Leste, coronel Luziel Andrade.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia