WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

janeiro 2020
D S T Q Q S S
« dez   fev »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

:: 17/jan/2020 . 19:43

Polícia prende dupla que tentava extorquir R$ 20 mil para não divulgarem fotos íntimas

Suspeitos de crime de extorsão foram presos pela polícia civil na cidade de Macaúbas, a 199 km de Brumado.

| ACHEI SUDOESTE

De algum modo, os elementos acessaram fotos íntimas em um celular roubado no dia 8 de dezembro e ameaçavam divulgá-las.

Reprodução

Eles identificaram a vítima e começaram a chantageá-la. Após o trabalho investigativo de policiais civis lotados nas cidades de Bom Jesus da Lapa, Macaúbas e Oliveira dos Brejinhos, comandados pelos delegados Jackson Trindade e Clemilton Martins, o caso foi elucidado. Dois homens, de 23 e 25 anos, foram presos suspeitos do crime de extorsão, praticado mediante a exigência do pagamento da quantia R$ 20 mil. Também foi apreendida com a dupla uma motocicleta que havia sido roubada no último final de semana, na cidade de Livramento de Nossa Senhora.

Provas do concurso da PM e Corpo de Bombeiros acontecem neste domingo (19)

As provas do concurso público para soldado da Polícia Militar da Bahia (PM-BA) e Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA) acontecerão neste domingo, dia 19.

| A TARDE

De acordo com a Secretara de Administração do Estado da Bahia (Saeb), são aguardados 112.335 candidatos.

Reprodução

Os inscritos no certame comparecerão a 183 locais de prova, distribuídos entre as cidades de Salvador, Feira de Santana, Juazeiro, Ilhéus, Vitória da Conquista, Barreiras e Itaberaba. As provas têm início às 9h15, com abertura dos portões às 8h.
A avaliação, com duração de cinco horas, contará com 80 questões, além de redação. O acesso às salas será permitido mediante a apresentação do documento de identificação oficial com foto, impresso e em bom estado de conservação, além do cartão de convocação. Além disso, o caderno de questões podem ser levados pelos candidatos depois de 4h30 de prova.
Outras regras poderão ser consultadas no edital de convocação. Informações sobre local de prova também podem ser consultadas no site da organizadora do certame, o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).

Delegada sobre idosa maltratada no DF: “Estava se desintegrando”

Vítima foi encontrada em casa, com ferimentos que deixavam à mostra o pulmão. Filha foi presa acusada de maus-tratos.

| METRÓPOLES

A situação em que se encontrava uma mulher de 69 anos, em Taguatinga Sul, chocou os policiais civis que foram ao local e prenderam a filha dela, acusada de maus-tratos. “Eles a descreveram como um cadáver vivo.

Reprodução

Ela estava se desintegrando, uma situação deplorável”, disse a chefe da Delegacia Especial de Repressão aos Crimes por Discriminação Racial, Religiosa, por Orientação Sexual ou contra a Pessoa Idosa e com Deficiência (Decrin), Ângela Maria dos Santos.
A prisão de Flávia Cristina Marçal, 38, ocorreu nessa terça-feira (14). Mas ela foi solta, após pagar fiança de R$ 2,5 mil. A idosa estava desnutrida, sem dentes e com várias feridas pelo corpo. Um dos machucados, nas costas, deixava o pulmão da mulher à mostra, de tão profundo.
Os policiais chegaram até a casa da idosa após denúncia de um médico do Núcleo de Atendimento Domiciliar, do Hospital de Taguatinga (HRT). Durante uma das visitas, o profissional se deparou com as cenas de horror.
Aos investigadores, a filha da idosa teria assumido que usava, mensalmente, os R$ 3,9 mil da aposentadoria da idosa para benefício próprio. Ela justificou que a vítima se alimentava por meio de sonda e, por isso, não tinha gastos pessoais.
A idosa, que é servidora aposentada da Secretaria de Educação, vinha sofrendo com o agravamento de sua condição de saúde por conta de um acidente automobilístico ocorrido 20 anos atrás. Há uma década, a vítima se encontra em estado vegetativo e recebe cuidados da filha única.

“Nós fomos acionados pelo Núcleo de Atendimento Domiciliar da Secretaria de Saúde para acompanhar uma visita e verificar a situação. Encontramos uma casa com um ambiente totalmente insalubre, sem as mínimas condições de higiene, quente e sem ventilação, a ponto de os policiais que participaram da ação passarem mal”, descreveu a delegada Ângela Maria dos Santos.
A filha contou, em depoimento, que “cuida” da mãe desde que tinha 18 anos. Nunca trabalhou e diz ter trancado a faculdade para ficar com a idosa. “Ela disse que nunca contratou cuidadoras porque temia que elas maltratassem sua mãe”, informou a delegada.

Com o dinheiro da aposentadoria da vítima, a filha comprava roupas, comida e, recentemente, adquiriu um celular de última geração. “Chamou atenção a frieza como ela falava sobre fazer uma poupança para dar um funeral digno para a mãe”, ressalta Ângela Maria.
Conforme a policial, a autora chegou a juntar R$ 6 mil, mas a conta estava com apenas R$ 50 no dia em que foi detida.
Após ser resgatada, a idosa foi levada às pressas para o HRT, onde está entubada e espera por cirurgia. O caso foi comunicado ao Ministério Público, que definirá o destino da vítima, caso receba alta. CUIDADO IMAGEM FORTE!
A filha vai responder por três crimes. São eles: deixar de prestar assistência ao idoso em situação de iminente perigo ou dificultar sua assistência à saúde, sem justa causa – pena de 6 meses a 1 anos de reclusão e multa; expor a perigo a integridade e a saúde, física ou psíquica do idoso, submetendo-o a condições desumanas ou degradantes – pena de 2 meses a 1 ano de reclusão e multa; apropriar-se de ou desviar bens, proventos, pensão ou qualquer outro rendimento do idoso – pena de 1 a 4 anos e multa.

Mecânico é preso em Iguaí após falsificar placa de carro e escrever Brasília com Z

O acusado não teve o nome divulgado.

| G1

Um homem foi preso, na cidade de Iguaí, no sudoeste da Bahia, suspeito de falsificar a placa de um carro em que a cidade Brasília aparece escrito com a letra z e com o acento na vogal errada.

Reprodução

Segundo informações do delegado Moabe Macedo, o motorista foi abordado na Rua Arlindo Pires, após policiais perceberem que a placa dianteira do carro em que ele pilotava tinha um erro de ortografia. Na placa, a cidade Brasília estava escrito “Brazilía-DF”. O acusado não teve o nome divulgado.
De acordo com o delegado, durante a abordagem, os policiais também perceberam que o número identificador do motor era diferente do que estava no documento do veículo. Moabe Macedo informou que o mecânico tem uma oficina na cidade e era investigado pelos policiais por suspeita de adulteração de veículos. O suspeito contou em depoimento à polícia que comprou o carro na cidade de Vitória da Conquista, por R$ 12 mil e também deu mais um outro veículo em troca. O caso vai ser investigado na delegacia de Iguaí, onde o suspeito está à disposição da Justiça.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia