WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago   out »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

:: 7/set/2019 . 21:30

ITARANTIM: Escolas do Município destacam a história do Brasil no 7 de Setembro. VEJA as fotos

A manhã desta seta-feira (7), em Itarantim, foi marcada pela realização do Desfile Cívico de Sete de Setembro.

Reprodução

Depois de muitos anos sem grandes realizações, o Desfile desse ano encantou a multidão de pessoas que saíram de suas casas para prestigiar o evento.
As escolas municipais marcaram presença ativamente no desfile.


A qualidade dos carros alegóricos, a ordem e disciplina no desfile, a plástica e arte na confecção das peças que retrataram a cultura brasileira e a homenagem aos saudosos e atuais professores foram um espetáculo a parte, um verdadeiro teatro ao ar livre pelas ruas da cidade.

CLIQUE AQUI E VEJA MAIS FOTOS

Avó flagra marido prestes a estuprar sua neta de quatro anos

Uma menina de quatro anos quase foi estuprada na tarde dessa sexta-feira (6) pelo marido da avó, no Bairro Pitaluga, em Barra do Garças (520 km de Cuiabá).

Reprodução

A avó dela acordou e flagrou o marido já sem as vestes e tendo abaixado as roupas da criança.
Conforme o boletim de ocorrência, o suspeito, 60 anos, e a avó da menina, 46 anos, – que tem a guarda definitiva da neta – moram juntos há cinco meses.
Nessa sexta-feira, depois do almoço, o casal foi dormir em um quarto e a criança em outro. Porém, após algum tempo, a menina foi até o quarto da avó, a acordou e permaneceu no cômodo.
A avó voltou a dormir e, pouco depois, quando acordou novamente, encontrou o marido com a neta dela entre as pernas dele, com o short e a calcinha da menina abaixados até próximo ao joelho e o zíper da bermuda dele aberto, com o órgão sexual para fora.
Imediatamente a avó chamou a Polícia Militar e uma equipe foi até a casa. O suspeito afirmou para a esposa que teria sido a primeira vez que isso aconteceu.
O caso foi registrado como estupro de vulnerável. O suspeito foi preso e encaminhado para a delegacia, junto com a criança e a avó. / Meionorte.

CRUELDADE: Filho mata o pai a marteladas; vídeo mostra como jovem teve sangue frio

Alguns crimes que acontecem no país são assustadores. Entender como eles acontecem não é nada simples. Neste sábado, 7 de setembro, um crime acabou ganhando grande repercussão.

Reprodução

O jovem Joseph Micheletti Dempsey, de 19 anos, teria assassinado o próprio pai, Joseph John Dempsey, de 57 anos.
De acordo com informações do G1, o homem teria sido morto com golpes de martelo. Ele também teria dado facadas no pai, que durante a morte teria suplicado ao filho para não fazer isso, alegando que o amava muito. Após matar o homem, Joseph teria tentado fugir. No entanto, a polícia encontrou com ele objetos que comprovavam o triste momento em família, algo que tem cortado o coração de muita gente.
Segundo os agentes da lei, mesmo após a tentativa de fuga, o rapaz ainda mantinha os objetos consigo. A polícia encontrou com ele o martelo e a faca usados para matar o próprio pai. A polícia foi chamada por uma vizinha, que ouviu toda a dantesca cena. Veja abaixo o vídeo sobre o caso:

A faca, inclusive, ainda estaria suja com o sangue do pai, que tem o mesmo nome do filho. Na casa da família, conforme informações do portal de notícias G1, a polícia ainda encontrou o pai com vida. Ele foi socorrido, mas não resistiu. Alguns dos ferimentos eram perfurações no pescoço. Até os agentes mais acostumados com situações criminais ficaram estupefatos com o que aconteceu na casa, que fica no estado de Minas Gerais.
O jovem foi encaminhado para uma delegacia da região. O G1 diz que não conseguiu entrar em contato com a defesa do rapaz de apenas 19 anos. / G1

Professora é presa após trocar vídeos sexuais com aluna de 13 anos

Familiares da menina descobriram as imagens quando foram resetar o celular dela.

Reprodução

Após enviar fotos e vídeos íntimos para o celular de uma aluna de 13 anos na cidade de Salvador, na Bahia, uma professora de matemática de 22 anos foi detida. Segundo informações da polícia, a docente e a estudante mantinham um relacionamento virtual há cerca de cinco meses. São informações do jornal O Dia.
Os familiares da menina descobriram os vídeos no celular quando foram resetar o aparelho para dar de presente à irmã mais nova dela. Acionada imediatamente, a escola demitiu a funcionária, que era estagiária.
A menina afirma nunca ter tido contato físico com a professora, que deve responder pela prática de “Aliciar, assediar, instigar ou constranger, por qualquer meio de comunicação, criança, com o fim de com ela praticar ato libidinoso”, presente no artigo 241 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).
A docente vai passar por audiência de custódia, que define se ela vai responder pelo crime em cárcere. Em nota, a escola confirmou a demissão e disse que presta apoio para os familiares e para a menina.

ABUSO
“O Colégio São Luís refuta com veemência qualquer atitude que viole o bem-estar de seus alunos, portanto reforça seu compromisso com a verdade e a justiça e repudia qualquer tipo de abuso contra menores ou contra qualquer ser humano”. / Metrópoles





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia