WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

julho 2019
D S T Q Q S S
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

:: 11/jul/2019 . 20:15

REGIÃO: Viação Brasileiro emite comunicado oficial aos passageiros

A empresa de ônibus Brasileiro informou que devido a interrupção da ponte sobre o rio Jequitinhonha, irá paralisar completamente a circulação de todos os veículos nos dias 14, 16, 18 e 20 de julho. A frequência de algumas viagens da empresa poderão ser alteradas ou canceladas.
A empresa sugere aos passageiros que direcionem-se aos guichês para confirmarem possíveis alterações, conforme disponibilidade. Leia a matéria AQUI.

VEJA O COMUNICADO

ITARANTIM: Caminhão atinge fios de eletricidade e derruba poste na BA 270

Um acidente causou susto no início da tarde desta quinta-feira (11), na BA 270.

Itarantim Online / Fotos: Alaécio Carvalho

Um caminhão de uma empresa não informada, atingiu a fiação e derrubou um poste no meio da pista. Apesar do estrago, ninguém se feriu.
De acordo com informações de populares que transitavam pelo local na hora do ocorrido, não houve ninguém que registrasse a cena e qual era o caminhão que causou o acidente.

O caminhão teria enganchado nos fios e resultou no estrago. O acidente aconteceu por volta das 12e30h.

REGIÃO: Idoso de 72 anos morre esfaqueado

Vítima foi encontrada morta dentro do casebre em que vivia.

Reprodução

Lourival Nunes da Silva foi encontrado morto no casebre em que vivia, no centro de Barrolândia, com uma faca cravada no abdômen
Um idoso de 72 anos foi morto esfaqueado na noite de terça-feira (09), em Barrolândia, município de Belmonte.
Segundo informações obtidas pelo Radar 64, Lourival Nunes da Silva foi encontrado morto no casebre em que vivia na Rua Embaúba. O imóvel fica nos fundos de uma residência de familiares da vítima.
Lourival, que estava com uma faca cravada no abdomên, apresentava outras três perfurações na mesma região do corpo, além de dois cortes na cabeça. Uma estaca também foi encontrada no local do crime.
O corpo de Lourival, que sofria de alcoolismo, foi encaminhado para o Instituto Médico Legal de Porto Seguro, onde será realizada a necropsia.
A polícia vai abrir um inquérito para investigar a autoria e motivação do homicídio.

TRAGÉDIA: Família de Ipiaú é encontrada morta em Guarulhos

O velório ocorrerá na Casa de Oração do Cemitério Jardim da Saudade 2 (cemitério novo), onde serão sepultados.

Reprodução

Os corpos de Uildes Lima Moreira, Gilmara Pinheiro e do filho do casal, Bruno Pinheiro, de 2 anos, encontrados mortos dentro do quarto de uma casa em Guarulhos-SP, saem do IML nesta quinta-feira, 11, com destino à Ipiaú, onde serão velados e sepultados. A informação foi confirmada ao GIRO pela prima de Uildes, Tatiane Lima. Segundo ela, o translado dos corpos será feito de avião até Ilhéus. O velório ocorrerá na Casa de Oração do Cemitério Jardim da Saudade 2 (cemitério novo), onde serão sepultados.

O horário ainda será definido. Segundo a família, Uildes e Gilmara estavam morando no estado de São Paulo há cerca de três anos. Uildes que exercia a função de pedreiro era natural de Itagibá. Já a sua esposa teria nascido em Ubatã, no entanto, ambos cresceram e moraram por muitos anos em Ipiaú, onde ainda vive grande parte dos familiares.

O casal e o menino foram encontrados mortos após o proprietário da casa onde os três estavam residindo acionar a polícia. A família alugou a casa há cerca de um mês e desde o último domingo (07) estava fechada, sem movimento, mas com as luzes acesas. Ao entrarem no imóvel na Rua Piauí, no bairro Bonsucesso, os policiais não encontraram sinais de violência, mas viram uma churrasqueira acesa. Segundo o site Giro Ipiaú, Uildes estava deitado na cama com a criança, e a mulher estava deitada no chão, ao lado. De acordo com as informações iniciais, a polícia suspeita que os pais acenderam uma churrasqueira dentro do quarto para espantar o frio. A perícia irá determinar a causa das mortes.

LUTO NA MÚSICA: Vocalista de banda de forró infarta e morre aos 21 anos

Leozinho Sakana estava na casa de uma amiga, quando sentir forte dor no peito. Socorrido, ele acabou morrendo dentro da ambulância.

Reprodução

O vocalista da banda de forró MW Som, Leozinho Sakana, de 21 anos, morreu na madrugada desta terça-feira (09), vítima de infarto, em Lagoa do Piauí (a 51 km de Teresina). O jovem estava na casa de uma amiga quando sentiu uma forte dor no peito e passou mal por volta das 02h da madrugada. Leozinho ainda chegou a ser socorrido e levado para atendimento médico no Hospital João Luiz de Morais, em Demerval Lobão, mas já havia entrado em óbito ao chegar na unidade de saúde.
A equipe de saúde não teve mais como reanimar o cantor. Segundo o site Meio Norte, o cantor era bastante conhecido em toda região e muito querido por todos. O velório deve acontecer no Ginásio Poliesportivo de Monsenhor Gil, onde o cantor morava. O falecimento de Leozinho comoveu toda a população da cidade.

Cresce casos de infarto entre os jovens
Quando se fala em infarto agudo do miocárdio, o grande senso comum é que apenas idosos podem ser acometidos pelo mal. Entretanto, com cada vez mais jovens expostos aos fatores de risco para doenças cardiovasculares, os casos do ataque cardíaco na faixa etária mais jovem, dos 20 aos 39 anos, vêm aumentando de maneira considerável. Segundo dados do DataSUS, do Ministério da Saúde, houve um aumento de 13% no número de infarto entre adultos de até 30 anos. E apesar de o percentual de jovens que sofrem do quadro ser relativamente pequeno dentro do quadro geral, esse aumento revela hábitos não-saudáveis e que colocam em risco a vida de pessoas desta faixa etária.

Abandono e abate põem jumentos sob risco no Nordeste

A situação só não está pior para esse asininos por causa da atuação das organizações de defesa dos animais.

O jumento, animal-símbolo do Nordeste, chamado de “nosso irmão” em música de Luiz Gonzaga dos anos 1960, está em risco de extinção. / Foto: reprodução

Ele perdeu espaço para motos nas propriedades rurais do semiárido e, desvalorizado, virou alvo da cobiça dos chineses.
Quando não são abandonados nas estradas e vítimas de atropelamentos, são levados para abatedouros e têm a carne exportada para a China. Entidades de defesa dos animais se mobilizaram e, em dezembro, uma liminar da Justiça suspendeu os abates na Bahia, Estado que tem o maior número de abatedouros.
O governo baiano e os abatedouros entraram com recursos, ainda não julgados. Dados do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento indicam que as exportações de carne de cavalos, muares e asininos deram um salto depois que os jumentos passaram a compor as cotas de abate.
Das 24,9 mil toneladas exportadas em 2016, o volume passou para 40,7 mil em 2017 e avançou para 226,4 mil toneladas no ano passado – quase dez vezes mais.
Ainda segundo a pasta, seis abatedouros ou frigoríficos brasileiros estão autorizados a abater equídeos, incluindo os asininos. São três unidades na Bahia, e outras em Minas, Paraná e Rio Grande do Sul.
O ministério informou que está vigente a decisão judicial da juíza da 1.ª Vara Federal de Salvador, Arali Maciel Duarte, em ação civil pública que, em 10 de dezembro de 2018, proibiu o abate de jumentos, muares e bardotos no Estado da Bahia.
Conforme a pasta, atualmente o rebanho de asininos no Nordeste está quantificado em 812,4 mil cabeças, o que representa 90% do efetivo brasileiro. :: LEIA MAIS »

MEC quer colocar 1,7 milhão de crianças na creche até fim de 2020

Ministro prometeu cumprir as metas, universalizar a pré-escola no país e atingir o percentual de 50% das crianças em colégios nos próximos meses.

Reprodução

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, disse, nesta quinta-feira (11), que a pasta pretende incluir 1,7 milhão de crianças em creches até o final do ano que vem.
— Vamos cumprir as metas e a mais óbvia é a universalização da pré-escola, o que é um absurdo não estar universalizada, e chegar a 50% das crianças na creche. É botar nas creches 1,7 milhão de crianças e acredito que seja possível já no ano que vem.
A meta faz parte do Compromisso Nacional pela Educação Básica, apresentado nesta nesta quinta-feira (11) pelo ministro da Educação e pelo secretário de Educação Básica, Jânio Macedo.
Para as creches, o compromisso prevê a reestruturação do Programa Nacional de Reestruturação e Aquisição para a rede pública de Educação Infantil (Proinfância) para dar mais agilidade na conclusão de 4.000 creches até 2022. Até agora, menos de 50% das obras foram concluídas.
O compromisso pela educação básica tem ainda metas para o Ensino Fundamental e para o Ensino Médio e Técnico. Os outros eixos são Educação Conectada, Formação de Docentes e Escolas cívico-militares e o Retorno Social da educação.
O planejamento estratégico foi elaborado pelo MEC em colaboração com o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) e União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime).
A educação básica é o foco da gestão atual do MEC. Em audiência na Câmara dos Deputados em maio, o ministro disse a educação básica no Brasil, incluindo creche, pré-escola e os primeiros anos de alfabetização, está defasada. “Cinquenta por cento das nossas crianças passam pelo ensino fundamental sem aprender a ler, escrever e fazer conta.” / R7.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia