Equipes da Delegacia de Homicídios de Feira de Santana (DH/Feira) cumpriram, na quinta-feira (11), os mandados de prisão preventiva de três acusados de envolvimento no assassinato de Leandro dos Santos Adorno.

Reprodução

Conforme as investigações, o avô da vítima, Antônio Dionísio Correia dos Santos é apontado como o mandante do crime, ocorrido em julho de 2018, no distrito Governador João Durval Carneiro (Ipuaçu).
De acordo com o titular da DH / Feira, delegado Fabrício Linard, o avô encomendou a morte do neto por ciúmes. “Ele nutria uma paixão não correspondida pela companheira da vítima e tinha muito ciúmes dela”. Além de Antônio Dionísio, os executores do homicídio, Wilson Santos Rodrigues, o “Parrudo” e Leandro dos Santos Vasconcelos, o “Léo”, tiveram os mandados cumpridos.
O trio foi encaminhado para o Presídio Regional de Feira de Santana, onde permanecem à disposição da Justiça. A DH / Feira segue com as investigações.

Reprodução

O corpo da vítima foi encontrado numa manhã de domingo, no Povoado Pedra da Canoa, em Ipuaçu. Nele havia uma cruz feita no tórax com material perfurocortante. A vítima também apresentava várias perfurações no rosto provocadas por golpes de faca.iBahia